FARSA – Argentinos derrubam nova lei previdenciária aos gritos de “aqui não é Brasil

FARSA – Argentinos derrubam nova lei previdenciária aos gritos de “aqui não é Brasil

E se você acha que só no Brasil a Previdência está dando o que falar, é melhor olhar para além da fronteira e dar uma espiada na reforma da Previdência dos nossos hermanos argentinos. As mudanças propostas por Macri deixaram o país em tensão.

elpais - FARSA - Argentinos derrubam nova lei previdenciária aos gritos de “aqui não é Brasil

Na última semana, a população foi às ruas para tentar barrar a votação no Congresso. E parece que a mobilização surtiu efeito. É o que afirmam algumas notícias que andam circulando aqui pelo Brasil. “A reforma da Previdência na Argentina foi derrubada por uma gigantesca manifestação popular, que reuniu mais de 200 mil pessoas em Buenos Aires”, diz uma das notícias.


As notícias também citavam a recente reforma da Previdência no Brasil e destacavam o grito de guerra utilizado pelos hermanos. “A mobilização popular que conseguiu barrar a votação da reforma da Previdência na Argentina tinha como um dos “gritos de guerra” o alerta de que o país não era como o Brasil, onde o governo aprova medidas sem consultar o povo e contra sua vontade””, afirma outra notícia.

Argentinos gritam “aqui não é Brasil” e derrubam reforma da Previdência, diz boato

Bem, a reforma da Previdência na Argentina causou uma verdadeira polêmica e um impasse. As ruas viraram um caldeirão e o Congresso está pegando fogo. Há pressão de todos os lados. Entretanto, é preciso destacar que essa história de provocação não tem nada de verdade. Quer saber o motivo? Continua lendo.


O site Boatos.org até tentou procurar algum vídeo das manifestações onde seria possível identificar os gritos proclamados pelos nosso hermanos. Também tentamos procurar alguma postagem de algum argentino sobre o tal fato, já que é natural palavras de ordem acompanharem posts ou virarem hashtags em redes sociais.

E não foi surpresa nenhuma quando não encontramos nenhum resultado relacionado à pesquisa. Mesmo depois de passado dias do início dos protestos, vídeos e postagens argentinas falando sobre a provocação aos brasileiros simplesmente não existem. Muito pelo contrário, apenas brasileiros estavam falando sobre isso.

Além disso, pessoas que acompanharam os protestos negaram que os argentinos estivessem gritando “Isto aqui não é Brasil”. O jornalista Ariel Palacios foi um deles.

Ariel respondeu um internauta que o questionou sobre os gritos de provocação e afirmou que não ouviu nada do tipo.

ariel - FARSA - Argentinos derrubam nova lei previdenciária aos gritos de “aqui não é Brasil

Ele também reforçou que, caso o grito tivesse sido entoado, os argentinos estariam certos. Afinal de contas, uma reforma não tem nada a ver com a outra. Ou seja, não há provas de que a provocação realmente existiu. Logo, sem provas não há fatos.

E pra completar a história, não dá pra afirmar (pelo menos ainda) que os argentinos derrubaram a votação da reforma da Previdência. O que ocorreu foi que, na semana passada, os protestos conseguiram adiar a votação, que foi transferida para esta semana (e que nossos hermanos ainda estão tentando adiar mais uma vez).

Ou seja, tudo está em aberto.

E de acordo com uma matéria do El País , apesar dos esforços, os argentinos não estão conseguindo vencer os acordos do governo com os peronistas. Além disso, eles também estão sofrendo com a presença da polícia, que está retaliando as manifestações.


Sendo assim, até pode-se dizer que os argentinos possam conseguir derrubar a votação da reforma, mas é precipitado afirmar que eles já derrubaram. Portanto, nada passou de boato, equívoco e mal entendidos. Até o momento, a votação ainda não aconteceu e as tais provocações com o Brasil simplesmente não existiram.

Fonte: Boatos.org