Boletim Defesa Civil – Chuva na Posse – 12h10

Boletim Defesa Civil – Chuva na Posse – 12h10

“ATENÇÃO” – A Defesa civil informa aos petropolitanos

Boletim Defesa Civil – Chuva na Posse
Boletim Defesa Civil – Chuva na Posse

Equipes da prefeitura estão no distrito da Posse em atendimento às ocorrências relacionadas à chuva que atingiu a região entre a noite desta quarta-feira (07.03) e manhã desta quinta (08.03). O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil receberam, até o momento, 11 chamados, todos após às 6h50. Atuam, neste momento, homens das secretarias de Defesa Civil, Obras, Serviços, Segurança e Ordem Pública (SSOP), Companhia Petropolitana de Trânsito (CPTrans), Assistência Social e Saúde.




Na Rua Nossa Senhora de Fátima, localidade conhecida como Morro do Querosene, uma criança morreu e uma mulher ficou ferida após a casa em que estavam ser atingida por um deslizamento de terra. A mulher foi socorrida por populares para o hospital.

Há registros de deslizamentos em vários pontos da Estrada União e Indústria, que está interditada na altura da Curva da Jacuba; na pista sentido Rio de Janeiro da BR-040, interditando parcialmente a rodovia próximo ao quilômetro 48; e nas ruas Noêmia Alves Rattes, Oswaldo Perlingeiro, Aristides Ladeira e Estrada do Brejal, todas na Posse. Nestas ocorrências, não houve vítimas.


Técnicos da Defesa Civil estão também na Rua José Timóteo Caldara, no Itamarati, fazendo avaliação de risco geológico, pois há ameaça de queda de pedras. As aulas foram suspensas naEscola Municipal Oswaldo Costa Frias, na Estrada do Juruá, que está interditada pela Defesa Civil por conta de um deslizamento de terra. A unidade atende a 178 alunos do 4º ano da Educação Infantil ao 5º ano do ensino fundamental.

DESOBSTRUÇÃO DAS VIAS E ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Quatro máquinas e cinco caminhões da Secretaria de Obras e SSOP foram deslocadas para trabalhar na limpeza e desobstrução das vias. Duas equipes da Defesa Civil, com geólogos, engenheiros e agentes operacionais, também atuam realizando vistorias nos locais atingidos.

De acordo com a concessionária Águas do Imperador, uma barreira atingiu a estação de tratamento de água (ETA) no Taquaril. No entanto, o abastecimento de cerca de 5 mil moradores da Posse está normal por causa de manobras realizadas pela empresa, que direcionou o sistema de Pedro do Rio para atender a região atendida pela ETA. A concessionária também colocou caminhões-pipa à disposição do posto de saúde e de escolas da região.

A empresa não tem previsão de quando o abastecimento pela ETA Taquaril será retomado – a preocupação no momento é sobre a possibilidade de novos deslizamentos e um geólogo fará uma avaliação no local para definir os próximos passos de atuação da empresa. A concessionária ainda não conseguiu avaliar os danos no local.




Um operador que trabalha na ETA conseguiu sair do local em segurança. Ainda pela manhã, as equipes da empresa tiveram dificuldade de chegar na estação porque a Estrada do Taquaril apresentou bloqueios por causa de barreiras.

O prefeito Bernardo Rossi está no local acompanhando as equipes da Defesa Civil e secretárias que atuam na limpeza das vias do distrito e em atendimento a famílias que podem precisar deixar suas casas. “A orientação, pois a previsão é de chuva ainda ao longo do dia, é para os moradores se deslocarem para casas de amigos e parentes, preventivamente”, afirma o prefeito Bernardo Rossi. Equipes técnicas estão reunidas nesta manhã para operacionalizar as retiradas de barreiras que obstruem vias.

 

COM PREVISÃO DE MAIS CHUVAS, MORADORES ESTÃO SENDO ORIENTADOS

De acordo com o último boletim do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN), permanecem as condições de chuva moderada a forte em todo o estado. Os maiores acumulados registrados estão, além da Região Serrana, na da Costa Verde. O cenário deve ser mantido até a noite de hoje (08.03) com maiores precipitações nas regiões já citadas, além da região sul, baixada e capital. Devido às chuvas nos limites territoriais, os rios da região norte também devem se manter elevados.

Neste momento, a Defesa Civil está em estágio de atenção, já que a chuva permanece em algumas regiões da cidade e existe a previsão de chuva permanente ao longo do dia. A secretaria orienta a população a ter atenção em função dos acumulados que deixam o solo encharcado. Nas últimas 24 horas, o índice pluviométrico acumulado na Posse foi de 137 milímetros.

“Com a previsão de novas pancadas de chuvas é fundamental que a população que vive em área de risco tenha a atenção redobrada e, em caso de qualquer sinal de instabilidade do imóvel ou do terreno, o morador deve ligar para o 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil. Todo o nosso efetivo foi disponibilizado para atender às famílias”, explica o secretário de Defesa Civil, coronel Paulo Renato Vaz, lembrando que a ligação e o serviço são gratuitos.




PREFEITURA TRABALHA PARA RESTABELECER TRANSPORTE

A prefeitura também trabalha para restabelecer o transporte público na região. As linhas 712 (Rio Bonito), 717 (Posse Circular), 725 (Gaby), 728 (Jurity) e 729 (Albertos), além das linhas executivas 70 (Posse) e 74 (Rio Bonito) não operam no momento. A 711 (Posse) opera parcialmente, fazendo ponto final em Barra Mansa. A linha 707 (Fagundes) também está funcionamento parcialmente, indo até a parte asfaltada, na altura de Anápolis.

O ônibus atingido por uma barreira na manhã desta quinta-feira, fazia a linha Posse x Gaby. O incidente aconteceu por volta das 7h na altura da Jacuba, seguindo para Posse. Nem o motorista e nem os passageiros ficaram feridos.

Quinze funcionários da CPTrans estão fazendo a sinalização e orientação dos motoristas.

CADASTRAMENTO E APOIO ÀS FAMÍLIAS

Equipes da Secretaria de Assistência Social estão cadastrando as famílias afetadas para verificar as necessidades e indicando que elas sejam encaminhadas para casa de parentes. O atendimento está sendo feito no Centro de Referência e Assistência Social (CRAS) da Posse, que fica ao lado do CIEP Gabriela Mistral.

A Secretaria de Saúde também disponibilizou uma equipe com psicólogo, médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem para atendimento das famílias.Inicialmente, os atendimentos ocorreram na Igreja Projeto Semear e foi transferido para o Posto de Saúde da Família(PSF) do distrito, no fim da manhã.

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.