Filho de Picciani e deputado que cometeu gafe ao pedir soltura herdam vagas na Alerj

Filho de Picciani e deputado que cometeu gafe ao pedir soltura herdam vagas na Alerj

Com prisão dos três deputados do PMDB, foram abertas vagas em comissões importantes na Casa.

André Lazaroni foi indicado para a de Ética; oposição pede proporcionalidade

André Lazaroni durante discurso na Alerj pela soltura de Jorge Picciani, Edson Albertassi e Paulo Melo cometeu gafe e chamou dramaturgo Bertolt Brecht de Bertoldo Brecha.
André Lazaroni durante discurso na Alerj pela soltura de Jorge Picciani, Edson Albertassi e Paulo Melo cometeu gafe e chamou dramaturgo Bertolt Brecht de Bertoldo Brecha.

A prisão de três deputados do PMDB provocou uma dança das cadeiras em comissões importantes da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). O próprio partido herdou todas as vagas, indicadas por Rafael Picciani, filho de Jorge Picciani — preso na Operação Cadeia Velha. As mudanças foram publicadas nesta sexta (24).



Agora líder do PMDB na Casa, Rafael indicou André Lazaroni para vaga de titular na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), pela qual passam todos os projetos de lei. Antes, era membro efetivo Rosenverg Reis.

Na Comissão de Orçamento, que vota as contas do Governo e pode até abrir precedente para um impeachment, foram indicados o próprio Rafael Picciani e Gustavo Tutuca.





Eles substituem Edson Albertassi e Paulo Melo, presos, junto com Picciani, na Operação Cadeia Velha. Tutuca foi escolhido para outras cinco comissões.

Defesa e gafe

Na semana passada, em sessão que revogou a prisão dos três deputados e foi derrubada em seguida pelo TRF-2, Lazaroni foi um dos dois deputados que subiu ao púlpito para defender a soltura. Disse que colocá-los em liberdade era obedecer a Constituição Federal.

Ao citar o dramaturgo Bertolt Brecht, ele acabou se confundindo e disse o nome do personagem da Escolinha do Professor Raimundo: Bertoldo Brecha.

Lazaroni foi indicado para outras 9 comissões, a mais importante delas a de Ética. As outras comissões são: Educação; Economia, Indústria e Comércio; Comissão de Normas Internas e Proposições Externas; Transportes; Emendas Constitucionais e Vetos; Comissão de Tributação; Conselho de Ética.




De acordo com a presidência da Casa, a publicação é automática após a indicação. A oposição diz que vai tentar impedir as nomeações por exigir que as comissões obedeçam a proporcionalidade de deputados na Casa. Com isso, PDT e PSOL poderiam ganhar vagas.

 

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.