Manifestações contra pedido de prisão de Lula bloqueiam rodovias em diversas regiões do país

Manifestações contra pedido de prisão de Lula bloqueiam rodovias em diversas regiões do país

Algumas rodovias amanheceram paradas por movimentos contra prisão de Lula

Manifestações contra pedido de prisão de Lula bloqueiam rodovias em diversas regiões do país
Manifestações contra pedido de prisão de Lula bloqueiam rodovias em diversas regiões do país

Manifestações contra o pedido de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva interditam nesta sexta-feira mais de uma dezena de trechos de rodovias federais em diversas regiões do país, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF).




Até as 10h desta sexta-feira, a PRF computava 17 pontos de interdição em Estados como Pernambuco, Paraíba, Sergipe, Bahia, Piauí, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná.

Segundo a PRF de Pernambuco, porém, onde havia 5 interdições, pelo menos em um caso a pista já estaria liberada por volta das 12h e outra interrupção não chegou a ser confirmada.

“Todas as interdições são pelo mesmo motivo, contra o pedido de prisão do Lula”, disse um porta-voz da PRF em Pernambuco.

 Em nota divulgada mais cedo, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) informa que “milhares” de seus militantes participam dos bloqueios em rodovias.

A entidade citou bloqueios e manifestações na Paraíba, BR-101 e a BR-230; Sergipe, SE-270; Bahia, BR 235; Rio Grande do Sul, Paraná, Pará, BR 155; e Espírito Santo, BR 101. O MST informou ainda que “já se indicam bloqueios no estado do Mato Grosso do Sul”.


 Lula fará um pronunciamento a aliados e simpatizantes no início da tarde desta sexta-feira e decidiu que não se entregará às autoridades em Curitiba, como determinou o juiz Sérgio Moro ao decretar a prisão do petista no caso sobre o tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo. O ex-presidente está atualmente na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo.




Na quinta-feira, Moro determinou que Lula se apresente em Curitiba até as 17h desta sexta para começar a cumprir a pena de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Neste momento, várias rodovias se encontram paradas por movimentos contra a prisão de Lula

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.