CNI/Ibope: Bolsonaro, 27%; Haddad, 21% e Ciro, 12%




CNI/Ibope: Bolsonaro, 27%; Haddad, 21% e Ciro, 12%

Pesquisa Ibope foi divulgada nesta quarta-feira
Montagem/Folhapress/Estadão Conteúdo

Pesquisa Ibope, encomendada pela CNI (Confederação Nacional da Indústria) e divulgada nesta quarta-feira (26), mostra que nenhum candidato venceria no primeiro turno se as eleições fossem hoje. 

Veja os números: 

– Jair Bolsonaro (PSL): 27%

– Fernando Haddad (PT): 21%

– Ciro Gomes (PDT): 12%

– Geraldo Alckmin (PSDB): 8%



– Marina Silva (REDE): 6%

– João Amoêdo (NOVO): 3%

– Alvaro Dias (PODE): 2%

– Henrique Meirelles (MDB): 2%

– Guilherme Boulos (PSOL): 1%

– Branco/nulo: 11%

– Não sabe/não respondeu: 7%

Os candidatos Cabo Daciolo (PATRI), Eymael (DC), Vera Lúcia (PSTU) e João Goulart Filho (PPL) não atingiram 1% das intenções de voto.

A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Diante disso, Alckmin e Marina Silva aparecem empatados tecnicamente. Também há empate técnico entre Marina, Amoêdo, Alvaro Dias e Meirelles.

Veja a seguir a variação da intenção de voto nas últimas semanas, de acordo com o instituto Ibope:


Infogram/Diego Junqueira/R7

O Ibope ouviu 2.000 eleitores, entre os dias 22 e 24 de setembro, em 126 cidades por todo o país. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), sob o número BR-04669/2018. O nível de confiança do levantamento é de 95%. 



Segundo turno

Na primeira simulação de segundo turno, entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad, o candidato do PT tem 42% contra 38% do deputado. Os dois ficam empatados tecnicamente no limite da margem de erro. Brancos ou nulos somam 16% e 4% não souberam ou não responderam.

No segundo cenário, Bolsonaro tem 40% contra 38% de Marina. Os dois estão tecnicamente empatados. Os votos brancos e nulos representam 19% e 3% não sabem ou não responderam.

Já entre Geraldo Alckmin e Bolsonaro, o ex-governador de São Paulo aparece com 40% contra 36% do candidato do PSL. Nesta simulação, os dois também empatam tecnicamente no limite da margem de erro. Os votos brancos e nulos somam 20% e 3% não souberam ou não quiseram responder.

Se a disputa fosse entre Ciro Gomes e Jair Bolsonaro, o ex-governador do Ceará teria 44% e Bolsonaro, 35%. Os votos brancos ou nulos somam 17% e 3% não souberam ou não responderam.

Rejeição

O Ibope também perguntou em quais candidatos o entrevistado não votaria de jeito nenhum. Jair Bolsonaro aparece com 44%. Fernando Haddad e Marina Silva têm 27%. Geraldo Alckmin, 19%; e Ciro Gomes, 16%.


Infogram/Diego Junqueira/R7





Fonte