Informação foi confirmada pela Seap na tarde desta quinta-feira (19). Ex-vereador responderá processo em liberdade.

vadinho

O ex-vereador de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, Osvaldo Fernandes do Vale, o Vadinho (PSB), de 70 anos, saiu da prisão na tarde desta quinta-feira (19). A liberação, confirmada pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), aconteceu dois dias depois que o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) concedeu o habeas corpus para o ex-vereador.

Segundo o TJRJ, o alvará de soltura foi concedido por unanimidade pela Primeira Vara Criminal na terça-feira (16). O Tribunal informou também que o processo do ex-vereador segue em segredo de justiça.

Vadinho foi preso no dia 7 de março deste ano por ser suspeito de ter extorquido funcionários da Câmara durante o seu mandato e também de ter contratado funcionários “fantasmas”. Após conseguir o habeas corpus, ele responderá por concussão (exigir dinheiro) e peculato (desvio de dinheiro público) em liberdade.

Segundo a polícia, a investigação sobre o ex-vereador começou antes das eleições municipais do ano passado, após dois assessores apresentarem uma denúncia no Ministério Público Estadual. Vadinho é suspeito de cobrar mais de 50% do salário dos ex-assessores, que variava de R$ 1.800 a R$ 4.674.

Deixe seu comentário

Avaliação