Profissionais da Educação em greve fazem protesto em Cachoeiras de Macacu, no RJ | Região Serrana

Profissionais da Educação em greve fazem protesto em Cachoeiras de Macacu, no RJ | Região Serrana


O ato acontece na rodoviária. Dentre as reivindicações do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe), está o pedido para que o pagamento seja feito sempre até o 5º dia útil de cada mês.

Os profissionais afirmam que o município já havia acordado que faria o pagamento neste prazo. O município não confirma e em nota divulgada à Inter TV nesta quinta-feira (9), afirmou que propôs que o pagamento fosse feito no dia 10 de cada mês, mas a categoria não aceitou.

Advertisements

Segundo o sindicato “por ato de liberalidade do atual governo, foi acordado no início do ano passado o pagamento no 5° dia útil, antecipando o pagamento dos profissionais da Educação da data prevista na Lei Orgânica, que prevê o pagamento dos servidores para até o dia 10 do mês subsequente”.

A Prefeitura afirma também que “o compromisso assumido com a categoria de pagamento até o 10° dia útil está mantido, não havendo atraso salarial da categoria, assim como estão mantidas reuniões mensais com o prefeito todo dia 15, não havendo que se falar em recusa de diálogo por parte do governo”.

Apesar disso, os profisisonais informam que não receberam os salários nesta sexta (10), conforme a nota divulgada pela Prefeitura.