Prefeitura inicia serviço de desmonte de rochas na União e Indústria

Prefeitura inicia serviço de desmonte de rochas na União e Indústria

Equipes da Defesa Civil interditou área ao redor do local do incidente

Prefeitura inicia serviço de desmonte de rochas na União e Indústria
Prefeitura inicia serviço de desmonte de rochas na União e Indústria

Equipes da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias acompanham o serviço de desmonte de rochas na Estrada União e Indústria, no distrito da Posse. Os trabalhos, feitos pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER- RJ),  foram iniciados na tarde desta segunda-feira (12.03), na altura do trecho conhecido como “Jacuba”, onde um deslizamento de pedras interditou a estrada na última quinta-feira (08.03).




A previsão é que o serviço dure quatro dias, mas uma meia pista pode ser liberada antes da finalização.  A quantidade de rochas foi avaliada em 15 toneladas.

Por conta do risco de novos deslizamentos, a Defesa Civil isolou uma área no raio de aproximadamente 80 metros ao redor do local do incidente. Uma máquina e quatro caminhões do DER-RJ  estão fazendo os trabalhos. Mais uma máquina deve chegar ao local até o fim do dia (segunda-feira, 12/03).


O prefeito Bernardo Rossi acompanhou o início dos trabalhos.

“A prefeitura tem equipamentos para a remoção das rochas, porém não tem a expertise, a técnica do DER para fazer com segurança. Precisamos aguardar a vistoria técnica e a orientação do DER e acompanhamento passo a passo, afinal, temos uma comunidade instalada à beira da estrada que poderia ser atingida com um ação irregular”, pontuou o prefeito aos moradores que também assistiram ao início do trabalho de retirada das rochas.

O Departamento de Recursos Minerais do Estado também foi acionado pela Defesa Civil de Petrópolis. “Logo após a queda, acionamos o DRM-RJ para avaliar as condições do maciço rochoso. Eles encaminharam os técnicos e avaliaram a situação antes que o trabalho fosse iniciado. Por uma questão preventiva, isolamos a área para garantir mais segurança aos trabalhadores e para evitar a presença de curiosos próximos ao local”, explica o Secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz.



Cerca de 30 homens, entre funcionários da COMDEP e das secretarias de Obras e de Serviços e Ordem Pública (SSOP) ainda trabalham na limpeza dos locais de deslizamentos na Posse.

Concer começa a cadastrar moradores para passagem por pedágio

Na manhã desta segunda-feira (12.03), equipes da Concer iniciaram o cadastro de moradores da Posse para a isenção temporária de pedágio na praça de Areal. O serviço é realizado na paróquia da Igreja São João Batista e segue até às 17h. Para o cadastro o morador deve apresentar o documento de identidade, comprovante de residência e documento de propriedade do veículo. Essa medida é destinada aos moradores da Posse e ocorre como alternativa à Estrada União e Indústria, que está interditada para a passagem de veículos.

“Ao mesmo tempo em que solicitamos ao DER-RJ a retirada da rocha, pedimos a Concer a isenção do pedágio. Estamos cobrando que a empresa libere as cancelas o mais rápido possível e ao mesmo tempo que o DER-RJ libere uma das pistas para o tráfego de veículos”, afirma o prefeito Bernardo Rossi.

Linhas de ônibus para a Posse seguem com operação pela BR-040

 As linhas de ônibus com destino à Posse seguem com a operação pela BR-040 a partir de Pedro do Rio. No quinto distrito, os veículos da linha 711 (Posse) estão indo até a Escola Municipal Beatriz Zalesky, retornando ao centro da Posse para seguir por Areal e fazer o itinerário contrário até o Terminal Itaipava. São nove veículos cumprindo este itinerário e atendendo os moradores da região. As linhas executivas 70 (Posse Gaby) e 74 (Rio Bonito) também passam pela BR-040.



A linha 701 (Pedro do Rio) está operando com o itinerário estendido até a entrada do Taquaril. A 725 (Posse Gaby) segue sendo realizada pela 711 (Posse). A linha 728 (Jurity) está operando com a parada no centro comercial e a 729 (Albertos) faz o ponto final na altura da E.M. Antônio José de Lima. Apenas a linha 717 (Posse Circular) está fora de operação.

Fonte: ASCOM – Prefeitura de Petrópolis

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.