Homem é detido após mostrar órgão genital para mulher no Centro de Petrópolis


Homem é detido após mostrar órgão genital para mulher no Centro de Petrópolis

Segundo a polícia, homem vai responder pelo crime de importunação sexual. Este é o primeiro caso registrado em Petrópolis, desde que a lei foi sancionada no dia 24 de setembro.

Um homem suspeito de mostrar o órgão genital para uma mulher, de 25 anos, foi detido pela Polícia Militar (PM) no Centro de Petrópolis, na manhã desta quinta-feira (27).



Segundo a polícia, a jovem estava descendo a rua no bairro Duchas, por volta das 9h40, quando foi abordada pelo suspeito que estava com o órgão genital para fora da calça.

“Ela conseguiu empurrá-lo, se desvencilhando dele e pediu ajuda para as pessoas que estavam passando pelo local, que chamaram a PM”, disse o delegado André Prates, da 105ª Delegacia de Polícia, onde o caso foi registrado.
A PM informou que encontrou o suspeito a poucos metros de onde aconteceu o crime. Os policiais disseram ainda que ele tentou fugir quando viu os militares, mas foi imobilizado.

Segundo a Polícia Civil, o homem, de 24 anos, vai responder pelo crime de importunação sexual. O delegado informou que este é o primeiro caso registrado na cidade, desde que a lei foi sancionada no dia 24 de setembro.

De acordo com André, a lei é aplicada quando a abordagem tem cunho sexual, sem violência ou grave ameaça. O delegado afirma que o suspeito poderá pegar de um a cinco anos de prisão.

Ainda segundo a polícia, o homem foi levado para 105ª DP e será encaminhado para uma penitenciária no Rio nesta sexta-feira (28).

Crime de Importunação sexual
A Lei 13.718, de 2018, foi sancionada na segunda-feira (24) pelo Ministro Dias Toffoli, com o objetivo de tornar crime os constrangimentos por que passam milhões de brasileiras no transporte público e em outros lugares.

Agora é crime. O ato libidinoso contra alguém; denúncias de homens que se masturbam ou ejaculam em mulheres no transporte público, por exemplo.

A importunação sexual era considerada uma contravenção, o criminoso pagava apenas uma multa. Agora dá prisão, com pena de um a cinco anos. Isso, se o ato não incluir crimes mais graves.

Fonte: G1 Região Serrana

@canalpetropolis #canalpetropolis

HIPER CANAIS BANNER 728

Gostou do post? Compartilhe:

http://platform.twitter.com/widgets.jswindow.___gcfg = {lang: ‘en-US’};
(function(w, d, s) {
function go(){
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0], load = function(url, id) {
if (d.getElementById(id)) {return;}
js = d.createElement(s); js.src = url; js.id = id;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
};
load(‘//connect.facebook.net/en/all.js#xfbml=1’, ‘fbjssdk’);
load(‘https://apis.google.com/js/plusone.js’, ‘gplus1js’);
load(‘//platform.twitter.com/widgets.js’, ‘tweetjs’);
}
if (w.addEventListener) { w.addEventListener(“load”, go, false); }
else if (w.attachEvent) { w.attachEvent(“onload”,go); }
}(window, document, ‘script’));





Fonte





%d blogueiros gostam disto: