Secretaria de Fazenda estenderá teste em seu novo sistema de nota fiscal

Secretaria de Fazenda estenderá teste em seu novo sistema de nota fiscal

O novo sistema entrará em funcionamento a partir de 1º de julho

Secretaria de Fazenda estenderá teste em seu novo sistema de nota fiscal
Secretaria de Fazenda estenderá teste em seu novo sistema de nota fiscal

Para que contabilistas e empresários estejam afinados ao novo sistema de emissão de notas fiscais de serviço eletrônica – Nota Imperial – a Secretaria de Fazenda iniciará o funcionamento do novo sistema no dia 1º de julho.




O adiamento por 30 dias permitirá que os contribuintes tenham mais tempo para se familiarizar com o ambiente do sistema, que pode ser acessado em uma plataforma de testes disponível pelo endereço eletrônico https://testepetropolis.sigiss.com.br.

O novo sistema substituirá o utilizado atualmente por 13.601 empresas prestadoras de serviços, Microempreendedores Individuais (MEIS), autônomos e profissionais liberais. A migração do atual sistema de Nota Imperial para o novo sistema será automática para aqueles que já são cadastrados.


A medida foi adotada para que tanto contabilistas quanto empresários estejam totalmente ambientados quando à substituição ao atual sistema ocorrer. O novo formato dará mais agilidade e segurança e foi apresentado a mais de 200 contabilistas, em dois treinamentos realizados pela Secretaria de Fazenda e por representantes da empresa SigCorp – empresa que opera o sistema.



“A plataforma de testes está disponível desde a semana passada. Tivemos uma receptividade muito boa durante os treinamentos. Os contabilistas estão tendo a possibilidade de esclarecer suas dúvidas e apresentar sugestões. A empresa se colocou à disposição dos participantes para dar orientações. Optamos pela mudança em 30 dias para minimizar o impacto, para que quando o novo sistema começar a funcionar, todos estejam ambientados”, avalia a secretária de Fazenda Elaine Nascimento (foto).

A Secretaria de Fazenda realizará ainda no mês de junho novos treinamentos para apresentação do novo sistema também a empresários. “Tivemos uma boa participação dos contabilistas no treinamento e a intenção é levarmos este conhecimento também aos empresários, para que todos tenham as informações necessárias e estejam adaptados”, pontua o diretor de Receitas da Secretaria de Fazenda, Paulo José Santana.




O novo sistema permitirá, por exemplo, que o contabilista tenha acesso de uma só vez a todas as empresas pelas quais é responsável, facilitando o acompanhamento e a sua escrituração fiscal e contábil.

“Isso agiliza o serviço. Além disso, o novo sistema permitirá a emissão direta da nota via web e também a utilização de sistema próprio da empresa com emissão da nota via webservice em layout próprio”, destaca.

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.