Violência – Briga de bar termina com um morto a golpes de facão e canivete em Petrópolis

Violência – Briga de bar termina com um morto a golpes de facão e canivete em Petrópolis

Crime aconteceu no Centro de Petrópolis na tarde deste domingo.

Vítima foi atingida sete vezes.

Violência - Briga de bar termina com um morto a golpes de facão e canivete
Violência – Briga de bar termina com um morto a golpes de facão e canivete

Briga de bar terminou com um homem de 50 anos morto com sete golpes de facão e canivete em Petrópolis, no fim da tarde deste domingo (17). Segundo a Polícia Civil, a vítima foi atingida nas costas, peito e lateral do corpo. O caso aconteceu na Rua Washington Luiz, no Centro, durante uma festa de confraternização. O suspeito, de 30 anos, foi preso em flagrante.



De acordo com a polícia, testemunhas que estavam no bar afirmaram que um homem estava agressivo, agitado e teria iniciado uma confusão ameaçando dar garrafadas em uma mulher que participava da festa. Logo em seguida, o suspeito foi até a vítima, que seria conhecido dele e estava bebendo cerveja em uma das mesas do estabelecimento.

“Sem razões aparentes, o suspeito teria se virado contra a vítima e passado a interpelá-lo. Sentindo-se atingido com o comportamento e gritos, ele se levantou e disse para o rapaz que, se ele quisesse, os dois poderiam brigar do lado de fora do bar”, contou Claudio Batista, delegado titular da 105ª DP.




Ainda segundo o delegado, em depoimento, o suspeito alegou que foi ameaçado de morte, saiu do bar e voltou com um facão e um canivete em cada mão.

“Surpreendendo os clientes e amigos do bar, ele foi ao encontro da vítima que se levantou da mesa e, mesmo com os gritos de uma amiga e todas as tentativas de se defender com socos e cadeiras, foi golpeado por sete vezes nas costas, na lateral do corpo e no peito”, afirmou Claudio.



A Polícia Civil afirmou que o suspeito também ficou ferido por causa de estilhaços de vidros de garrafas e foi contido por dois clientes que estavam no bar até a chegada da Polícia Militar. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas o homem morreu dentro do bar.

O suspeito foi levado para a UPA, medicado, encaminhado para a 105ª DP e transferido na manhã desta segunda-feira (18) para um presídio no Rio de Janeiro.

Anúncios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.