Educação com ética ganha força na Escola SESI Petrópolis para formar cidadãos conscientes

Jogo de tabuleiro, com perguntas e respostas que envolvem o combate à corrupção em situações do cotidiano, promove o debate de valores e da crise moral no país

Ilustrada inúmeras vezes nas manchetes dos noticiários e presença constante nas rodas de conversa, a ética no atual cenário político do país também é motivo de debate nas salas de aula. Tema de grande profundidade na sociedade brasileira, a corrupção está em todo lugar e relacionada a atos e atitudes que são vivenciados por gerações. Por isso, a Escola SESI Petrópolis resolveu falar abertamente do assunto e propor uma reflexão das atitudes, diferenças, individualidades e da vida em comunidade e frear este processo.




Educação com ética ganha força na Escola SESI Petrópolis para formar cidadãos conscientes
Educação com ética ganha força na Escola SESI Petrópolis para formar cidadãos conscientes

Os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Médio poderão falar sobre o tema utilizando o jogo de tabuleiro EduComÉtica, que tem como principal objetivo debater a ética a partir de situações que envolvem o cotidiano das crianças e dos adolescentes. Os alunos respondem a perguntas sobre como agir quando encontrar uma carteira de dinheiro perdida, receber um troco a mais no supermercado, presenciar um racha entre carros ou mesmo ver um amigo sendo vítima de bullying. A atividade vai impactar mais de 350 crianças e jovens. Por todo o Estado, serão 6.400 estudantes das unidades SESI impactados entre agosto e dezembro deste ano.

“A escola é uma das primeiras experiências de vida em sociedade, por isso é fundamental como espaço de fomento e aprendizagem sobre o combate à corrupção, especialmente neste momento em que o Brasil passa por uma crise não só econômica, mas principalmente ética”, explica a Coordenadora de Compliance e também do Comitê Executivo de Integridade do Sistema FIRJAN, Luana Pagani. “Corrupção não é só desvio de verbas públicas, mas todas as situações que envolvem a conquista de benefícios por meio de atos desonestos. O jogo é um canal interativo que apresenta justamente situações do dia-a-dia desses jovens que formarão a próxima geração de profissionais, empreendedores e políticos do país”, reforça Pagani.




O tema vem sendo discutido exaustivamente nas salas de aula. Ana Paula Lemos, diretora da Escola SESI Petrópolis, acredita que esta é mais uma forma de debater questões que são vividas em diversas situações cotidianas. “É um tema que não se esgota e, por isso, batemos tanto nesta tecla nas aulas. É sempre importante refletirmos com o suporte da filosofia nossas ações cotidianas. Nada melhor que realizarmos esta discussão através de um jogo onde será possível vivenciar a cooperação e o diálogo exercendo assim a cidadania”, afirma.

Programa de Integridade é ação do Sistema FIRJAN de combate à corrupção

O jogo “EducomÉtica” faz parte do Programa de Integridade, uma iniciativa do Sistema FIRJAN que reúne um conjunto de ações de combate à corrupção e de promoção da integridade, ética e transparência. Além da atuação nas Escolas SESI, o programa contempla outras ações de compliance, como análise de riscos, monitoramento e capacitações dentro e fora da organização, reforçando a aplicação efetiva dos códigos de conduta ética e incentivando a comunicação de irregularidades. O objetivo é detectar e sanar desvios e atos ilícitos praticados contra o interesse público, da indústria e da própria FIRJAN.




Destinado a colaboradores, gestores, fornecedores, prestadores de serviço e associados da FIRJAN, o Programa de Integridade tem o combate à corrupção como seu principal pilar de atuação. A corrupção aumenta a incerteza dos agentes econômicos; dificulta o acesso aos mercados internacionais de crédito; abala a confiança no governo; corrói os padrões éticos dos cidadãos; cria desigualdade de renda e desestabiliza a economia, sendo fator de fechamento de empresas e postos de trabalho.

Por: Vinicius Magalhães
Fotos: Estudantes da Escola SESI de Jacarepaguá
Edição: R.Loureiro

https://i2.wp.com/www.avozdepetropolis.com.br/wp-content/uploads/2017/09/SESI-Jacerepagua.jpg?fit=600%2C370&ssl=1https://i2.wp.com/www.avozdepetropolis.com.br/wp-content/uploads/2017/09/SESI-Jacerepagua.jpg?fit=150%2C93&ssl=1Marcia ChavesRio de Janeiro#avozdepetropolis,a voz de petropolis,Brasil,cidade de petropolis,cidade do Rio,cultura,dia a dia de petropolis,EduComÉtica,informações,Jacarepagua,jornais,jornal de petropolis,matérias,minuto a minuto,noticias,noticias de petropolis,notícias urgentes,noticiasdepetropolis,politica,prefeitura,rio de janeiro,RJ,saber mais petropolis,saiba mais petropolis,SESI,tempo real,ultima hora,urgente,viajarEducação com ética ganha força na Escola SESI Petrópolis para formar cidadãos conscientes Jogo de tabuleiro, com perguntas e respostas que envolvem o combate à corrupção em situações do cotidiano, promove o debate de valores e da crise moral no país Ilustrada inúmeras vezes nas manchetes dos noticiários e presença constante...Noticias de Petrópolis em um só lugar, a verdade doa a quem doer.