Aeronave afundou no Canal do Cunha. Um dos tripulantes ficou preso submerso.

Bombeiros resgatam tripulantes de helicóptero
Bombeiros resgatam tripulantes de helicóptero

Um helicóptero da Polícia Militar caiu por volta das 9h desta segunda-feira (14) no Canal do Cunha, que deságua na Baía de Guanabara. O acidente foi na altura da Ilha do Fundão, Zona Norte do Rio.

Um dos quatro ocupantes morreu por volta das 11h. Outro fraturou a perna, e os demais passam bem. Todos foram para o Hospital Central da PM, no Estácio.

Em nota, a Secretaria da PM informou que a Fênix 08 sobrevoava a região reforçando o patrulhamento na Linha Vermelha. “Durante o monitoramento aéreo da via, houve necessidade de fazer um pouso forçado na água”, disse.

A PM também confirmou que o estado de um dos resgatados “inspira cuidados”.

A porta-voz da PM, Claudia Morais, confirmou que estavam no helicóptero dois oficiais e dois praças.

O guia de turismo Gustavo Hungria testemunhou a queda. “Estava voando bem baixo, o helicóptero, quando a gente sentiu que estava acontecendo alguma coisa e ele caiu na água logo em seguida. Não deu para escutar nenhum barulho”, conta.

A aeronave

A PM confirma que o helicóptero acidentado pertence ao Grupamento Aeromóvel (GAM) da corporação.



Segundo informações iniciais, a aeronave era a Fênix 08. De acordo com o registro na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), trata-se de um helicóptero modelo esquilo AS 350 BA fabricado em 1998 pela Helibras. O peso máximo de decolagem é de 2,1 toneladas e o veículo voa com um motor turboeixo.

A aeronave pode transportar até cinco passageiros, e o Certificado de Aeronavegabilidade – documento que comprova que uma aeronave está com sua condição de aeronavegabilidade validamente verificada – vai até 15 de janeiro de 2022.




“A aeronave Esquilo Modelo H-350 BA estava com manutenção regularizada. O acidente será apurado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos. O Centro de Criminalística da Polícia Militar também acompanhará a apuração”, emenda a nota.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.