Petrópolis, teve um plebiscito para votar pelo fim ou permanência das tradicionais vitórias, as famosas charretes que ficam em frente ao Museu Imperial atendendo aos turistas.

Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)
Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)

A conclusão do plebiscito foi pelo fim das charretes ou Vitórias, motivos são vários, porém um dos mais utilizados era a maldade em deixar os equinos (cavalos) expostos ao sol escaldante a espera de passageiros enquanto os charreteiros se refrescavam a sombra das árvores.

Dando uma volta pela cidade, além de ver as Vitórias trabalhando “normalmente”, deparei-me com a imagem que mostrarei nas fotos abaixo.

Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)
Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)

Para que houve o plebiscito, em meu pequeno conhecimento plebiscito significa.

Plebiscito – Substantivo Masculino que significa:
Manifestação popular expressa através de voto, que ocorre quando há algum assunto de interesse político ou social.
Fonte: (Pai dos burros) Dicionário Aurélio

Seguindo tal lógica e tendo consciência que o plebiscito teve como resposta o FIM DAS VITÓRIAS e automaticamente o FIM das iniquidades sofridas pelos cavalos, mas nada mudou, deixo aqui meu questionamento, PARA QUE FIZERAM O POVO VOTAR SOBRE TAL ASSUNTO ?

PARA APENAS DIZER QUE A POPULAÇÃO FOI CONSULTADA ?

Mais uma imagem para deixar clara a REAL SITUAÇÃO .

Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)
Cavalos sofrendo debaixo de um sol de 26º graus (Fotos Luiz Felipe Sabbadin)

Onde está o PODER PÚBLICO, ONDE ESTÁ A FISCALIZAÇÃO DE POSTURA ? ONDE ESTÁ A LEI SENDO APLICADA ?

Pois se já foi confirmada por meio do voto popular com o placar de 117.113 votos contra a atividade e 53.668 a favor.

Segundo nota oficial da Câmara Municipal de Petrópolis a um jornal de grande circulação no país:

A Câmara Municipal de Petrópolis disse , por meio de nota enviada pela assessoria de imprensa na sexta-feira (5/10/2018), que caso o resultado fosse pelo fim da tração animal, caberia à prefeitura regulamentar como a atividade será encerrada. Informou ainda que iria “preparar, de imediato, o competente Decreto Legislativo com o texto aprovado, que obriga o Poder Público a cumprí-lo”.

Já a prefeitura informou na mesma data (5/10/2018), também por meio de nota, que aguardava o resultado do plesbiscito.

Pois aí está, já se tem os resultados (acabar com as Vitórias e com o sofrimento dos animais) a mais de 3 meses, já virou o ano, entrou-se em recesso, estamos a ponto de retornar do recesso) e os animais continuam em sua via crucis.



Onde estão os VEREADORES que tanto falaram na ‘tribuna em favor do fim das charretes’, acho que não é preciso citar os nomes, mas a falta de atitude fará o A VOZ DE PETRÓPOLIS, além de citar nomes, publicar os discursos, pois temos todos gravados.

Com todo respeito as participantes da Vereança de nosso município informo que, contamos com a compreensão de V. Sa‘s e de suas ATITUDES, pois discursos já ouvimos de todos os tipos.




DEIXO AQUI O MEU APELO UNINDO-O AO DA POPULAÇÃO REPRESENTADA POR 117.113 VOTOS CONTRA AS CHARRETES, AOS PODERES:

LEGISLATIVO
EXECUTIVO
e caso nenhum dos dois tomem uma postura, ao JUDICIÁRIO que faça valer a VOZ DO POVO que falou BEM ALTO, no resultado da votação…

Texto: Roberto Fraga Loureiro
Fonte Fotos: Luiz Felipe Sabbadin

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.